Receita lança 'rascunho' para facilitar declaração do Imposto de Renda
06/11/2014
 
A Receita Federal anunciou, nesta segunda-feira (3), o lançamento de uma ferramenta para facilitar o preenchimento da declaração do Imposto de Renda. É uma espécie de rascunho da declaração que o contribuinte pode ir preenchendo ao longo do ano --por exemplo, no momento que compra um carro ou faz o pagamento de uma consulta médica.

A ideia, segundo a Receita, é reunir esses dados e evitar que fiquem dispersos ou sejam perdidos na hora em que o contribuinte for fazer sua declaração.

O aplicativo pode ser usado em computadores, tablets e smartphones, desde que tenham acesso a internet. Seu uso não é obrigatório. 

O aplicativo para desktop já pode ser baixado no site da Receita (http://zip.net/brp5QZ), e ficará disponível até o último dia de fevereiro. Para tablets e smartphones, ficará dentro do APP IRPF, disponível nas lojas Google Play, para o sistema operacional Android, ou App Store, para o sistema operacional iOS.

Esse novo recurso não exclui a declaração pré-preenchida que foi lançada pela Receita para o IR 2014. 

Como vai funcionar o rascunho
Após baixar o aplicativo, o contribuinte poderá preencher dados ao longo do ano, no momento que compra um carro ou faz o pagamento de uma consulta médica, por exemplo. Os campos do rascunho serão idênticos aos da declaração.

O contribuinte pode incluir no rascunho despesas com dependentes, rendimentos, movimentação de bens e direitos e pagamentos efetuados entre 1º de janeiro e 31 de dezembro de 2014.

Para salvar o rascunho é preciso criar uma palavra-chave. Apenas o contribuinte terá acesso aos dados por meio desta senha. Se esquecer essa senha, o consumidor não conseguirá mais acessar o rascunho e não há como recuperá-la. 

De acordo com a Receita, os dados do rascunho não serão utilizados para calcular antecipadamente o imposto devido. O aplicativo apenas armazena as informações no banco de dados da Receita.

"Essas informações não serão utilizadas previamente pela Receita. A Receita só vai usar os dados da declaração que foi feita entre março e abril. A nova ferramenta é para facilitar a declaração e a Receita não tem interesse em utilizar esses dados antes desse período", declarou Carlos Roberto Occaso, subsecretário de Arrecadação e Atendimento do órgão.

No momento de preencher a declaração completa do IR, em março e abril de 2015, o contribuinte deve importar os dados preenchidos no rascunho. 

Quando a declaração final for transmitida, o rascunho será eliminado do banco de dados da Receita.

Autor: Bruna Borges | Do UOL, em Brasília

 
 
 
 
Dólar fecha semana em alta após declarações sobre juros nos EUA
leia mais
PIB do agronegócio cresceu 0,13% em janeiro, dizem a CNA e o Cepea
leia mais
Mercado aumenta previsão de inflação, baixa de PIB e vê mais juros
leia mais
FMI passa a ver contração de 1% do PIB do Brasil em 2015, com mais inflação
leia mais
Mudanças política e tributária tornam etanol mais vantajoso para nova safra
leia mais
Crise no Brasil vai piorar antes de melhorar, diz 'Financial Times'
leia mais
Intenção de consumo das famílias cai 11,9% em março, aponta CNC
leia mais
Mercado financeiro prevê PIB menor em 2015
leia mais
Esclarecimentos sobre a economia
leia mais
Alta da taxa Selic vai influenciar nas compras a prazo
leia mais
Novas regras do seguro-desemprego já estão valendo; entenda
leia mais
Madrugada tem bloqueio de caminhoneiros também em São Paulo
leia mais
Inflação do aluguel perde força na 2ª prévia de fevereiro
leia mais
Veja quem deve declarar o Imposto de Renda 2015
leia mais
Analistas preveem PIB quase estável e inflação de 7% em 2015, diz BC
leia mais
São Paulo tem maior inflação entre capitais pesquisadas pela FGV
leia mais
Na estreia da equipe econômica, BC sobe juros a 12,25%, recorde em 3,5 anos
leia mais
Governo vai anunciar aumento de tributos nos próximos dias
leia mais
Após elevar tributos, Dilma veta correção da tabela do IR em 6,5%
leia mais
Dilma decide manter presidentes de Banco do Brasil, Caixa e BNDES
leia mais
Economia na região de Ribeirão seguirá fraca em 2015, diz estudo
leia mais
Inflação oficial fica acima da meta pelo 4º mês seguido, diz IBGE
leia mais
Real desvalorizado estimula venda de açúcar da nova safra, diz Copersucar
leia mais
Mercado eleva previsão para inflação e PIB neste ano
leia mais
Governo quer viabilizar produção de etanol de milho no Centro-Oeste
leia mais