Vendas no Dia do Consumidor somaram mais de R$ 200 milhões
25/03/2015
 
As vendas relacionadas às promoções do Dia do Consumidor Brasil, que envolveu 650 lojas virtuais durante as 24 horas de quarta-feira (18), superaram o valor de R$ 200 milhões, o que representa um aumento de 61% em relação à semana anterior. O balanço foi divulgado pela E-bit, empresa especializada em informações do comércio eletrônico.

O objetivo da campanha é alavancar as vendas em um período historicamente fraco para o setor.

O tíquete médio passou de R$ 425, ficando 20% acima de um dia normal, e o volume de pedidos cresceu 35%. As cinco categorias mais vendidas, tendo colaborado em peso para as vendas, foram cosméticos, perfumaria e saúde; eletrodomésticos; telefonia e celulares; moda e acessórios; e informática. Os varejistas online somaram mais de 30 mil ofertas com descontos de até 85%.

A estimativa era que o faturamento fosse de R$ 278,3 milhões, 60% superior ao alcançado em 2014, que foi de R$ 174 milhões.

Apesar de ser destinada a lojas virtuais, algumas empresas colocaram descontos também nas lojas físicas, como a Saraiva, Fast Shop, Casas Bahia e Ponto Frio.

A campanha oficial, pelo Buscapé Company, aconteceu na quarta, mas algumas lojas se anteciparam nas ofertas ou podem até optar por estender os descontos.

A iniciativa não tem o mesmo alcance da Black Friday, que ocorreu em novembro do ano passado e teve faturamento de R$ 872 milhões.

O Dia do Consumidor Brasil foi instituído em 2014 pelo Buscapé Company com o objetivo de incluir mais uma data sazonal no calendário nacional do varejo com descontos no comércio eletrônico.

O Dia do Consumidor, data reconhecida pela ONU, é comemorado no dia 15 de março e foi criado para lembrar os direitos de quem compra.

Autor: Do G1, em São Paulo

 
 
 
 
Bovespa fecha no vermelho, após declarações sobre juros nos EUA
leia mais
Governo ampliará a oferta de obras de geração de energia, diz ministro
leia mais
Medida 'acaba com o programa de desoneração da folha', diz Fiesp
leia mais
Agricultura puxa alta do PIB, mas infraestrutura limita crescimento
leia mais
Mercado prevê crescimento perto de zero e inflação acima de 7% em 2015
leia mais
Economia terá 'resultado negativo no curto prazo', diz Levy em Davos
leia mais
Inflação pelo IPC-S fecha 2014 em 6,87%; veja itens que mais pesaram
leia mais
Economistas elevam projeção para a Selic a 12,5% em 2015
leia mais
Reajuste da gasolina eleva também o preço do etanol, mas biocombustível ainda é mais vantajoso para o consumidor
leia mais
Produção de petróleo e gás natural bate novo recorde, diz ANP
leia mais
País tem 3,5 milhões de empresas inadimplentes
leia mais
Receita de serviços sobe 5,7% em junho, diz IBGE
leia mais
Previsão do PIB cai pela 12ª semana e fica em 0,79%, diz BC
leia mais
Preços em alta compensam menor produção de café arábica em MG
leia mais
Em MG, cooperativa aluga máquinas que agilizam a colheita do café
leia mais
Alimentos ficam mais baratos, e inflação em SP desacelera, diz Fipe
leia mais
SP: empresa é multada em R$ 1 bi por contaminar funcionários
leia mais
Inflação dos produtos de verão é de 8,61% em 1 ano, aponta FGV
leia mais
Agricultores de MT esperam preços melhores e seguram a venda da soja
leia mais
Emprego na indústria fica estável em novembro e indica queda para 2013
leia mais
Inflação oficial fecha 2013 em 5,91%, diz IBGEv
leia mais
Instituições financeiras estimam crescimento em 1,95%
leia mais
BNDES aprova R$ 603,9 mi para parques eólicos no RS
leia mais
Brasil vai crescer menos da metade dos emergentes em 2014, diz FMI
leia mais
Poupança ainda ganha da renda fixa
leia mais